Conheça todos os males causados pelo cigarro.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o tabagismo é a principal causa de morte evitável no mundo. A nicotina inalada no cigarro atinge o cérebro em 8 segundos, onde tem um potencial comparável ao da heroína para viciar. De 30% a 50% das pessoas que fumam desenvolvem algum tipo de dependência e 70% a 90% dos fumantes regulares são viciados. Apenas 6% dos que tentam parar conseguem ficar mais de um mês sem fumar.

 blog shutterstock_125701163

O fumante normalmente não percebe os males que o cigarro traz para sua saúde, entretanto, eles são muitos. Por isso, resolvemos listar alguns deles:

Fumar provoca o aumento da acidez do estômago, a irritação e inflamação de olhos, garganta e vias aéreas. Aumenta a pressão arterial, a frequência cardíaca, o risco de má circulação nas pernas e o risco de impotência sexual. Além disso, fumar triplica o risco de AVC (acidente vascular cerebral), o risco de câncer de boca, faringe, laringe e traqueia; de pulmões, de esôfago, estômago, rins, bexiga e colo de útero. Prejudica também a pele, causa doenças respiratórias, afeta o tratamento de doenças, como gastrite, úlcera péptica, esofagite de refluxo, angina, insuficiência cardíaca, bronquite, enfisema e asma. 

Esses são apenas alguns males trazidos pelo cigarro, portanto, livre-se desse vício. Procure um médico e ele lhe dirá a melhor maneira de parar de fumar. Cuide-se!

Básico, fácil e milagroso. Conheça os benefícios da caminhada!

A caminhada é um dos exercícios mais fáceis de praticar, pois pode ser feita a qualquer hora, por pessoas de qualquer idade e não exige habilidade. Segundo um estudo feito pela USP de Ribeirão Preto, caminhar durante aproximadamente 40 minutos é capaz de reduzir a pressão arterial durante 24 horas após o término do exercício. Isso acontece porque durante a prática do exercício o fluxo de sangue aumenta, levando os vasos sanguíneos a se expandirem, diminuindo a pressão. 

blog shutterstock_121907014 

Conheça outros benefícios da atividade:

Melhora a circulação;

Deixa o pulmão mais eficiente;

Combate a osteoporose;

Afasta a depressão;

Diminui a sonolência;

Mantém o peso em equilíbrio e emagrece;

Melhora a respiração;

Fortalece os músculos.

Se possível, pratique o exercício diariamente por pelo menos 20 minutos e alimente-se antes da prática.

Esta é uma ótima opção para começar as atividades físicas, tente! 😉

 

Azia pode ser sinônimo de gastrite, saiba mais.

Se você sente muita dores de estômago, queimação e perda do apetite, fique ligado, pois podem ser sintomas de gastrite.

Gastrite é a inflamação aguda ou crônica da mucosa que reveste as paredes internas do estômago. Essa alteração pode ser provocada por diferentes fatores, como uso prolongado de ácido acetilsalicílico e de anti-inflamatórios, além do consumo de bebidas alcoólicas. 

Além disso, existem dois tipos da doença. A gastrite aguda e a crônica. A aguda é mais simples, por ser de aparecimento súbito e não perdurar por muito tempo. Já a crônica, conta com a bactéria Helicobacter pylori que leva à destruição da barreira protetora que reveste a mucosa do estômago, permitindo que o ácido gástrico agrida a própria mucosa gástrica, o que leva à inflamação da mesma, caracterizando a gastrite.

Caso você tenha se identificado com algum dos sintomas, fique ligado nos sinais do corpo e siga algumas recomendações básicas:

* Respeite os horários das refeições. Separe um tempo para café da manhã, almoço e jantar;

* Prefira fazer pequenas refeições ao longo do dia a fazer uma grande refeição depois de muitas horas em jejum;

* Mastigue bem os alimentos, pois a digestão começa na boca;

* Dê preferência a frutas, verduras e carnes magras;

* Não fume;

* Evite tomar analgésicos, café e bebidas alcoólicas em excesso;

Se os sintomas persistirem, procure seu médico. Cuide da sua saúde!

A dança liberta a alma!

Você sabia que além de emagrecer, a dança ajuda a aumentar a autoestima? Não importa qual o ritmo da música, movimente-se! Esta é uma atividade que pode ser feita por qualquer pessoa independente da idade ou forma física, basta sentir a música e deixar-se levar.

Muitas pessoas costumam dizer que a dança é um tipo de terapia para o corpo e para a mente e, observando os benefícios do exercício, realmente percebe-se o efeito causado. Além de melhorar o condicionamento aeróbico e a coordenação motora, a atividade previne problemas posturais e de artrose, protege as articulações e ajuda a relaxar.

Que tal experimentar? Você pode procurar uma academia e fazer a aula do ritmo que mais te agrada ou treinar em casa! Existem diversos vídeos que irão te ajudar, mas procure alguém para supervisionar a atividade. 😉